Novidades

Quando devo procurar um cardiologista

Quando devo procurar um médico cardiologista?

Quanto mais cedo a visita ao médico, melhor. Para o homem, é indicada visita anual para aqueles com idade acima dos 40 e, para as mulheres, com mais de 50. No caso de pessoas com histórico familiar de hipertensão, doença coronariana, diabetes ou morte súbita, é indicado que a visita comece 10 anos antes.

Sintomas que você deve prestar atenção

Mesmo sem histórico familiar, as pessoas podem apresentar sintomas que indicam problemas cardíacos. Vamos listar alguns deles que devem acender o seu alerta e fazer você ligar para seu cardiologista.

Inchaço nas pernas e pé;

Dores no peito;

Cansaço constante, sem motivo;

Disritmia cardíaca;

Desmaios;

Palidez;

Dores de origem não oftalmológica, neurológica ou de sinusite.

 

Maus hábitos geram mais chances de desenvolver a doença

                Você já deve saber que o tabagismo está ligado ao desenvolvimento de várias doenças, inclusive as cardiológicas. Outros fatores que incidem nas doenças do coração são o sedentarismo, consumo excessivo de bebidas alcoólicas, alimentação rica em gordura e ultra processada.

           Adicione estresse e sedentarismo a essa equação e de novo, é preciso ligar o alerta! Mudar o estilo de vida é ideal para evitar o desenvolvimento de doenças graves. Fazer exercícios regularmente, pelo menos 30 minutos por dia, tirar tempo para descansar e melhorar a alimentação já diminui os riscos, mas não é garantia. A visita ao médico é importante para manter a saúde em dia!

 

Doenças mais comuns

                Entre as doenças cardiológicas mais comuns estão o infarto ou ataque cardíaco, que ocorre quando o músculo do coração é afetado pela falta de fluxo sanguíneo; insuficiência cardíaca, que faz com que o coração não bombeie sangue como deveria; e arritmia cardíaca, quando a frequência das batidas é irregular, muito acelerada ou lenta demais.                

Visite seu médico

                Essas são apenas as 3 doenças principais. Além delas, existem mais doenças que podem afetar a saúde do seu coração. Por isso é importante sempre consultar o médico cardiologista. Mesmo que você não tenha histórico da doença, faça exercícios e coma de maneira regrada. A ida ao médico é a única garantia para a saúde do seu coração.

                O médico irá acompanhar seu histórico, identificar suas necessidades. Só ele é capaz de identificar as doenças, indicando exames para identificar uma possível alteração no coração do paciente e também o tratamento adequado para cada doença. Não negligencie sua saúde. Marque sua consulta e exames necessários para a saúde do seu coração!